Última hora

Marcello Lippi volta ao ativo com proposta da China

Marcello Lippi volta ao ativo com proposta da China
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Só uma proposta milionária faria Marcello Lippi sair da reforma e foi precisamente uma proposta da China que chegou. O italiano de 68 anos de idade é o novo selecionador chinês, sucedendo a Gao Hongbo.

Se ao serviço da Itália, Lippi conseguiu sagrar-se Campeão do Mundo em 2006, na China os objetivos são para já bem mais modestos: apurar-se para o mundial da Rússia. A equipa chinesa encontra-se numa situação complicada e é lanterna vermelha do seu grupo com apenas um ponto em quatro jogos.

A seu favor, o experiente técnico tem o profundo conhecimento do futebol local, ou não tivesse sido por três vezes campeão chinês com o Guangzhou Evergrande, clube que também levou à vitória na Liga dos Campeões Asiática em 2013. O salário? Ronda os 20 milhões de euros por ano e faz de Lippi o treinador mais bem pago do futebol mundial.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.