EventsEventosPodcasts
Loader

Find Us

PUBLICIDADE

Bélgica: Milhares protestam contra austeridade nas áreas dos serviços sem fins lucrativos

Bélgica: Milhares protestam contra austeridade nas áreas dos serviços sem fins lucrativos
Direitos de autor 
De  Euronews com RTL, APTN, RTBF
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

17.000 pessoas, segundo a polícia, 20.000, segundo os sindicatos tomaram parte no protesto.

PUBLICIDADE

Milhares de trabalhadores da área da saúde, mas também da educação, ação social ou ainda da cultura, marcharam pelas ruas de Bruxelas, esta quinta-feira, em protesto contra a deterioração das condições de trabalho e cortes nos orçamentos.

17.000 pessoas, segundo a polícia, 20.000, segundo os sindicatos tomaram parte no protesto.

Para uma enfermeira, “ao olhar para as condições de trabalho, por exemplo, nos lares, onde os salários são baixíssimos, e vendo as medidas que o governo quer implementar, a única solução é protestar nas ruas”.

Um sindicalista acrescenta que o projeto do governo “vai reduzir salários e deteriorar as condições de trabalho”, referindo que “não é normal que um funcionário de um lar tenha de ajudar 16 idosos a prepararem-se para dormir e voltar a fazer o mesmo, sozinho, na manhã seguinte”.

Na Bélgica, trabalham em serviços sem fins lucrativos cerca de 500.000 pessoas, mais de 15% do mercado de trabalho no país.

Os representantes sindicais já foram recebidos pelo governo mas ainda não há um calendário negocial. Os trabalhadores prometem mais protestos antes do final do ano.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

"Agricultores guerreiros" próximos da extrema-direita fizeram protesto "convivial"

Geórgia numa encruzilhada à medida que lei da influência estrangeira aprofunda divisões

Forças de segurança realizam operações na capital da Nova Caledónia para controlar onda de violência