EventsEventosPodcasts
Loader
Encontra-nos
PUBLICIDADE

ONU aprova mais sanções contra a Coreia do Norte

ONU aprova mais sanções contra a Coreia do Norte
Direitos de autor 
De  Dulce Dias com Lusa, AFP
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Os membros do Conselho de Segurança decidiram limitar as exportações norte-coreanas de carvão - que tinham em Pequim praticamente o único importador

PUBLICIDADE

A ONU voltou a reforçar as sanções à Coreia do Norte. Em causa, o último ensaio nuclear.

Ao fim de três meses de difíceis negociações com a China, os 15 países membros do Conselho de Segurança decidiram limitar as exportações norte-coreanas de carvão – que tinham em Pequim praticamente o único importador.

A resolução limita as vendas norte-coreanas a 7,5 milhões de toneladas anuais, a partir de 1 de janeiro de 2017, o que representa uma redução de 62%, face ao ano anterior.

“Congratulo-me com a adoção unânime desta nova resolução. Manter esta unidade é crucial para enfrentar os desafios de segurança na Península da Coreia e para além dela”, afirmou o secretário-geral da organização, Ban Ki-Moon.

Pyongyang realizou este ano dois ensaios nucleares, em janeiro e em setembro, e pelo menos 25 disparos de mísseis balísticos, desafiando as resoluções da ONU.

Esta é a sexta série de sanções contra a Coreia do Norte desde 2006. Se aplicadas rigorosamente, vão privar o regime comunista de mais de 700 milhões de dólares (cerca de 660 milhões de euros) de divisas, suscetíveis de financiarem os programas militares.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

SIDA pode deixar de ser ameaça à saúde pública em 2030, diz ONU

Zelenskyy diz na ONU que Rússia usa alimentos e crianças como arma

ONU confirma a detenção de 11 funcionários no Iémen