EventsEventos
Loader

Find Us

PUBLICIDADE

Jérôme Valcke tenta provar inocência no Tribunal Arbitral do Desporto

Jérôme Valcke tenta provar inocência no Tribunal Arbitral do Desporto
Direitos de autor 
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Em fevereiro do ano passado, Jérôme Valcke foi suspenso por 12 anos pelo Comité de Ética da FIFA e apesar da suspensão ter sido entretanto reduzida para dez anos, o francês continua a clamar inocência

PUBLICIDADE

Em fevereiro do ano passado, Jérôme Valcke foi suspenso por 12 anos pelo Comité de Ética da FIFA e apesar da suspensão ter sido entretanto reduzida para dez anos, o francês continua a clamar inocência e anunciou esta terça-feira que irá recorrer da sentença para o Tribunal Arbitral do Desporto (TAS).

O dirigente foi considerado culpado de lucrar com a revenda ilegal de bilhetes para jogos do Campeonato do Mundo, de abusar nas despesas de representação e de vender direitos de transmissão televisiva bem abaixo do preço de mercado para benefício próprio.

O recurso de Valcke, que também está a contas com a justiça suíça, está longe de ser uma garantia de sucesso, até porque o TAS já rejeitou os recursos apresentados por outros nomes envolvidos no escândalo de corrupção da FIFA como Sepp Blatter e Michel Platini.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Dani Alves considerado culpado de violação de uma mulher numa discoteca em Espanha

Tribunal Arbitral decide futuro de patinadora russa nos Jogos Olímpicos em Pequim

Recorde de participação na Wings for Life World Run