A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

Filipinas: Encontrado cadáver de refém alemão decapitado

Filipinas: Encontrado cadáver de refém alemão decapitado
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Já foram encontrados os restos mortais do refém alemão decapitado pelo grupo terrorista Abu Sayyaf nas Filipinas.

Militares descobriram o cadáver do septuagenário alemão em Joló, uma ilha isolada do arquipélago de Sulu, cerca de 960 quilómetros a sul de Manila.

Juergen Kantner, de 70 anos, foi morto na semana passada, depois de ter expirado o prazo dado pelo Abu Sayyaf ao governo alemão para pagar um resgate de cerca de 565 mil euros.

O velejador alemão tinha sido sequestrado, no mar, entre o sudoeste das Filipinas e o noroeste da Malásia. No dia 7 de novembro do ano passado, o exército das Filipinas anunciou ter encontrado o veleiro do septuagenário, à deriva. O corpo da mulher de Kantner, Sabine Merz, foi descoberto no interior, com ferimentos de bala.

O casal já tinha sido raptado, em 2008, por piratas somalis, no golfo de Áden.