EventsEventosPodcasts
Loader
Find Us
PUBLICIDADE

Saltos de Esqui: Noruega vence penúltima etapa, Polónia reforça liderança

Saltos de Esqui: Noruega vence penúltima etapa, Polónia reforça liderança
Direitos de autor 
De  Francisco Marques
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

A Taça do mundo por países encerra este domingo de manhã, com a Áustria ainda com esperanças matemáticas de chegar ao título.

PUBLICIDADE

A Noruega venceu a antepenúltima etapa da Taça do Mundo de saltos de esqui por países, realizada em Plenica, na Eslovénia. A Polónia foi terceira e reforçou a liderança da tabela geral, partindo para a derradeira etapa, este domingo, com 276 pontos de vantagem.

Na etapa deste sábado, as prestações a abrir de Robert Johansson e Andre Forfang lançaram os noruegueses rumo ao triunfo e nem os saltos mais modestos de Andreas Stjernen a fechar cada uma das últimas rondas de saltadores abalou as pretensões da equipa onde também competiu Anders Fannemel.

Os noruegueses somaram mais 1551,6 pontos e deixaram os segundos, a Alemanha, a 49 pontos.

WC #Planica Team: 1. NOR; 2. GER; 3. POL!https://t.co/446ayv7lek#FISskijumping#skiflying#planica2017

— FIS Ski Jumping (@FISskijumping) 25 de março de 2017

WC #Planica: #Norway wins the last team competition#skijumping#skiflyinghttps://t.co/eb22yM65LMpic.twitter.com/ezfxUpyA8R

— Newsskijumping (@Newsskijumping) 25 de março de 2017

Entre os germânicos, o destaque foi Karl Geiger, o melhor na primeira tentativa da terceira ronda de saltadores, onde figurava, por exemplo, o norueguês Fannemel.

O melhor cotado dos alemães, Andreas Wellinger, foi o último a subir à rampa em cada uma das tentativas, mas em ambas foi segundo, batido nas duas pela estrela da Polónia, Kamil Stoch, o novo recordista da colina eslovena com um salto de 251,5 metros.

Além dos dois bons saltos de Stoch, também Maciej Kot esteve em bom nível nos polacos, mas o triunfo terá ficado definido logo pelas primeiras duas rondas de saltadores.

A derradeira etapa realiza-se este domingo de manhã. Com 400 pontos ainda em jogo e a Áustria a 276 de distância da Polónia, o título de países está ainda em aberto, mas com o líder em posição aparentemente confortável.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Tour2023: Vingegaard reforça liderança a quatro dias do pódio de Paris

Shiffrin bate recorde no esqui feminino

Esquiadores "pintam" a neve de várias cores