Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.

Última hora

Última hora

Nova vacina contra a malária vai ser testada

Nova vacina contra a malária vai ser testada
Tamanho do texto Aa Aa

No Dia Mundial da Malária e na Semana Mundial da Imunização a notícia é a primeira vacina, a nível mundial, contra a malária, segundo anúncio da Organização Mundial de Saúde (OMS).

Um ensaio de larga escala vai vacinar crianças dos 5 aos 17 meses no Gana, no Quénia e no Malawi a partir de 2018. Estes países foram escolhidos para o teste piloto por, entre outros requisitos, terem bons programas de combate à malária, um uso abrangente de redes anti-mosquito e programas funcionais de imunização para além de altas taxas de incidência da doença.

A vacina é injectável e chama-se RTS, S. Em ensaios clínicos provou ser apenas parcialmente eficaz e precisa de ser administrada em 4 doses, mas é a primeira vacina aprovada pelo regulador contra a doença causada por mosquitos.

A malária mata cerca de 430, 000 pessoas por ano na África subsariana e atinge maioritariamente bebés e crianças pequenas.

Esforços globais viram as mortes causadas por malária reduzidas em 62 por cento entre 2000 e 2015. Segundo a OMS, 360 mil crianças serão vacinadas com a TRS,S entre 2018 e 2020.

As projeções da OMS apontam para a erradicação da doença em 2040.