EventsEventos
Loader

Find Us

FlipboardLinkedin
Apple storeGoogle Play store
PUBLICIDADE

Trump e o FBI: "Uma demissão controversa"

Trump e o FBI: "Uma demissão controversa"
Direitos de autor 
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied
PUBLICIDADE

A decisão de Donald Trump de demitir o diretor do FBI volta a levantar suspeitas sobre a atuação do novo presidente na investigação à interferência russa nas presidenciais de Novembro nos Estados Unidos. O vice-presidente, Mike Pence, reagiu à polémica considerando ter sido, “a decisão certa no momento certo”.

Segundo o correspondente da euronews em Washington:

“É uma decisão controversa. Trump julga ter poder suficiente para despedir Comey, mas a dúvida é se esta decisão vai ajudá-lo na investigação sobre a Rússia. Esta demissão parece ser demasiado precipitada e Trump está enganado se pensava conseguir evitar uma riposta por parte dos democratas. Trump está a politizar o aparelho dos serviços de segurança, pois este está a investigar Trump e esta é a grande questão”.

A reação, ao nível partidário parece, no entanto, longe de abalar os apoiantes de Trump:

“Uma sondagem recente mostra que 96% dos apoiantes de Trump estariam prontos a votar de novo no republicano se houvesse uma nova eleição amanhã. Os apoiantes de Trump nunca vacilaram. Eles votaram no candidato, antes de mais, por causa do seu estilo e da promessa de que iria abanar as coisas em Washington e não se preocupam com a sua política”.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Biden chama nações "xenófobas" à Índia e Japão

Biden apela à libertação de jornalistas no jantar dos correspondentes de imprensa

EUA: estudantes universitários são presos por protestos pró-palestinos