Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.

Última hora

Última hora

Ciberataque global: Governos e empresas são os alvos

Ciberataque global: Governos e empresas são os alvos
Tamanho do texto Aa Aa

Um ataque cibernético em grande escala está a afetar vários países, com epicentro na Ucrânia e na Rússia.

O aeroporto de Kiev avisou através do seu diretor que podiam ocorrer atrasos ou cancelamentos de vôos devido ao ataque. O Vice primeiro ministro ucraniano anunciou na rede social twitter que a sede governamental tinha os sistemas informáticos em baixo. Segundo fontes oficiais ucranianas, o serviço postal estatal, vários bancos e a maior companhia telefónica do país foram atingidos, apesar de o governo garantir que os serviços de informação tecnológica tinham sido protegidos.

O vírus é uma nova versão do ransomware WannaCry chamada Petya, já ativada em 2016. Kiev aponta o dedo à Rússia que sofre também consequências do ataque, com o maior produtor russo de combustível atingida para além de outras empresas.

A Dinamarca tem a maior empresa de transporte marítimo sem sistema informático e a maior agência de publicidade britânica foi também alvo de ataque. India é outro dos países afetados.