Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.

Última hora

Última hora

"Breves de Bruxelas": ameaças à Polónia e controvérsia sobre glifosato

"Breves de Bruxelas": ameaças à Polónia e controvérsia sobre glifosato
Tamanho do texto Aa Aa

O artigo 7º do Tratado da União Europeia é, por vezes, referido como uma “bomba atómica”, porque pode levar à suspensão dos direitos de voto no Conselho Europeu, que reúne os líderes dos Estados-Membros.

A Polónia enfrenta uma tal ameaça devido às reformas do sistema judicial, que põem em causa os princípios fundamentais da União Europeia. O argumento foi apresentado, quarta-feira, pelo vice-presidente da Comissão Europeia, Frans Timmermans.

Neste programa que passa em revista a atualidade europeia diária destacamos, ainda, a controvérsia sobre o glifosato.

Nos últimos cinco meses, 1,3 milhões de pessoas de vários Estados-Membros da União Europeia assinaram uma petição a favor da proibição deste herbicida, usado principalmente para matar ervas daninhas.

A Organização Mundial da Saúde diz que é potencialmente cancerígeno, pelo que várias organizações não-governamentais exigem que seja banido e organizaram um protesto, em Bruxelas, antes de discussões técnicas sobre o tema, na Comissão Europeia.

Para terminar, recordamos que, após quatro dias de discussão, a segunda ronda de negociações sobre o Brexit termina, quinta-feira, com uma conferência de imprensa.

Michel Barnier, pela Comissão Europeia, e David Davis, pelo Reino Unido, apresentarão os progressos obtidos até agora.