Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.

Última hora

Última hora

Terrorismo em Barcelona: "Daesh" reivindica ataque que fez 13 mortos e 50 feridos

Terrorismo em Barcelona: "Daesh" reivindica ataque que fez 13 mortos e 50 feridos
Tamanho do texto Aa Aa

Grupo terrorista autoproclamado Estado Islâmico (“Daesh”/ ISIL) reivindica ataque com recurso a uma furgoneta em Barcelona, Espanha. Há pelo menos 13 mortos confirmados e mais de 50 feridos, na sequência do atropelamento coletivo nas Ramblas, no centro da capital da Catalunha.

Joaquim Forn, o Conselheiro do Interior da Catalunha (equivalente a ministro regional) confirmou o balanço de 13 mortos e mais de 50. A polícia classificou “um atentado terrorista.”

As autoridades revelaram a detenção de um suspeito de origem magrebina e desmentem qualquer situação de reféns num bar do centro da cidade. O suspeito foi identificado como Driss Oukabir, de 28 anos, marroquino, natural de Aghbala, residente legal em Espanha e já conhecido das autoridades, tendo estado preso em Figueres e sido libertado em 2012.






[Em atualização]