Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.

Última hora

Última hora

Greve no SEF afeta 85 voos

Greve no SEF afeta 85 voos
Tamanho do texto Aa Aa

A greve dos inspetores do Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF), quinta e sexta-feira, vai afetar sobretudo os aeroportos de Portugal Continental – Lisboa, Porto e Faro. O sindicato da Carreira de Investigação e Fiscalização do SEF prevê vários atrasos, mas garante os serviços mínimos. O controlo de passaportes nos aeroportos, durante os dias da greve, vai estar a funcionar apenas a um terço. A medida vai afetar 85 voos e cerca de 30 mil passageiros, mas não deve haver anulações.

O sindicato quer mais pessoal para o SEF: Esta greve pretende defender e proteger todas as vítimas de tráfico de seres humanos que cruzam Portugal ou são detidas, vítimas das redes criminosas transnacionais – o que está cada vez mais em risco, devido ao desvio de inspetores para as tarefas burocráticas que a ministra da Administração Interna, Constança Urbano de Sousa, quer impor”, disse o presidente do sindicato, Acácio Pereira.

Os inspetores em greve exigem a abertura de um concurso para 200 novos funcionários, para acabar com o que dizem ser um permanente desvio dos agentes de investigação para outras tarefas, durante os meses do Verão e poder assim reforçar a segurança das fronteiras, numa altura em que a Europa vive sob a ameaça do terrorismo.