Última hora

Última hora

Reino Unido em nível de alerta terrorista grave

Reino Unido em nível de alerta terrorista grave
Tamanho do texto Aa Aa

Dois homens detidos, um de 18 anos e outro de 21, depois do ataque terrorista reivindicado pelo Estado Islâmico, na sexta feira passada, na estação londrina de metro de Parsons Green.

Sem vítimas mortais e com 30 pessoas feridas após a deflagração parcial de um engenho explosivo caseiro, a investigação policial ao ataque levou a buscas no porto de Dover e a uma primeira detenção, seguida de buscas a uma propriedade em Sunbury-on-Thames e à detenção do indivíduo que terá colocado a carga explosiva numa carruagem em Parsons Green, ao início da manhã de sexta.

O nível de alerta terrorista baixou de “crítico” para “grave”, o segundo mais alto, com a ministra do Interior, Amber Rudd, a declarar que a segunda detenção mostra não se tratar de um ataque de lobo solitário, mas a não implicar necessariamente o envolvimento do Estado Islâmico, estando a radicalização dos detidos por apurar.

O Reino Unido propõe esta segunda-feira, poucos dias após o quinto maior ataque sofrido este ano, a assinatura de um novo tratado de segurança com a União Europeia, pós-Brexit, a fim de manter e intensificar a cooperação para prevenir “ameaças cada vez maiores e cada vez mais transfronteiriças”.

Amber Rudd relembrou que o Reino Unido é um dos maiores contribuidores da União Europeia em procedimentos como recolha de dados e indícios, medidas extraditórias e para a agência Europol.