Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.
Última hora

Furacão Maria poupa Martinica

Furacão Maria poupa Martinica
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

A passagem do furacão Maria pela Martinica provocou dois feridos ligeiros e, ao que tudo indica, estragos materiais pouco significativos. O balanço foi feito pelo diretor-geral da Segurança Civil, Jacques Witkowski, que promete mais detalhes nas próximas horas.

Ao final da manhã, o furação encontrava-se a cerca de 70 quilómetros a sul da ilha de Guadalupe com uma trajetória versátil e incerta.

Com ventos na ordem dos 260 quilómetros por hora, o furacão não poupou a ilha francesa de Dominica, nas Antilhas Menores onde de acordo com o primeiro-ministro da ilha, Roosevel Skerrit, os habitantes “perderam tudo o que o dinheiro pode comprar.”

O segundo furacão a afetar as Caraíbas este mês registou a intensidade máxima na noite de segunda-feira.

O Centro Nacional de Furacões dos Estados Unidos informou, entretanto, que o furacão Maria está a perder força. Desceu uma categoria – de 5 para 4 – mas continua a ser considerado “extremamente perigoso.”