Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.

Última hora

Última hora

Os catalães que recusam o separatismo

Os catalães que recusam o separatismo
Tamanho do texto Aa Aa

No meio da tensão política e social que se vive na Catalunha, são poucos os cidadãos comuns que, abertamente, dizem por que razão não querem que a Catalunha seja independente da Espanha. As suas manifestações são menos numerosas e não têm o impacto das independentistas. Com o recenseamento em mãos, eles são a maioria silenciosa, aqueles que não votaram no referendo considerado ilegal pelo Tribunal Constitucional. A televisão pública dinamarquesa falou com um desses catalães, o professor de história José Alsina:

“Embora pareça que é um problema entre o Governo Catalão e o Governo Espanhol, não é verdade. É um problema entre metade dos catalães e a outra metade. Em qualquer conversa, se te atreves a dizer isso, crias um desconforto, imediatamente. E há medo, é claro, há medo. Há pessoas que receberam ameaças e há partidos políticos cuja sede foi atacada,” afirma José Alsina

Para o próximo domingo está agendada uma manifestação no centro de Barcelona, ​​onde se espera muita gente, os autocarros devem chegar de diferentes partes da Espanha. O seu lema será “Recuperem el seny”, ou seja, “recuperar o sentido”.