Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.

Última hora

Última hora

Apresentador da CBS acusado de assédio sexual

Apresentador da CBS acusado de assédio sexual
Tamanho do texto Aa Aa

O entrevistador da CBS e PBS, Charlie Rose, foi suspenso após a publicação, pelo Washington Post, de testemunhos de oito mulheres que o acusam de assédio sexual. Figura respeitada da televisão nos EUA, Rose, de 75 anos, junta-se a um rol, cada vez maior de celebridades implicadas em escândalos deste tipo.

Segundo o periódico norte-americano, as mulheres são antigas funcionárias ou ex-candidatas a cargos no programa “Charlie Rose”, da PBS, pelo apresentador que trabalhava para o “CBS This Morning” e “60 Minutos”. Acusam-no de chamadas telefónicas obscenas e apalpões, ter-se-á mesmo exibido nu frente a duas delas.

A jornalista responsável por esta matéria diz que o seu endereço de email foi, entretanto, inundado com queixas idênticas, de outras mulheres, contra Charlie Rose que já afirmou, através do Twitter, sentir-se “extremamente envergonhado”.