A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

Cuba e Coreia do Norte juntos contra os EUA

Cuba e Coreia do Norte juntos contra os EUA
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

O ministro de Relações Exteriores de Cuba, Bruno Rodríguez, recebeu esta quarta-feira o seu homólogo norte-coreano, Ri Yong Ho, com a crescente tensão na península coreana como pano de fundo.

A pressão internacional, sobretudo dos Estados Unidos, para o país asiático colocar um ponto final ao seu programa de mísseis levou Pyongyang a procurar apoio além-fronteiras e nesse sentido, pode dizer-se que a visita a Havana, um aliado político desde mil novecentos e sessenta, foi um sucesso.

Após o encontro, o chefe da diplomacia cubana denunciou as “exigências unilaterais e arbitrárias” dos Estados Unidos que servem de base à implementação de medidas contrárias à lei internacional.

Apesar das acusações, Cuba e Coreia do Norte apelaram ao “respeito pela soberania dos povos” e manifestaram o desejo de encontrar uma solução pacífica.