A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

Comité Olímpico Russo apoia presença em PyeongChang

Comité Olímpico Russo apoia presença em PyeongChang
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Os atletas russos já tinham manifestado a intenção de competir nos Jogos de Inverno, entre os dias 9 e 25 de fevereiro, mesmo com o país afastado devido à manipulação sistemática e sem precedentes do sistema anti-doping.

Esta terça-feira foi a voz do Comité Olímpico Russo a garantir total apoio a quem decidir competir em PyeongChang. Alexander Zhukov, presidente do organismo e ele próprio impedido de marcar presença nos Jogos, garante que "a opinião foi unânime: os nossos desportistas devem competir na Coreia do Sul e lutar por vitórias para glória da Rússia."

A decisão do Comité Olímpico Internacional permite a participação de atletas russos sem ligação ao escândalo de doping e sob a bandeira Olímpica. Nada que preocupe os atletas.

Ilya Kovalchuk, da seleção russa de hóquei em gelo, assegura que podem-lhes tirar o hino e a bandeira mas que não podem roubar o patriotismo que está no coração, pelo que irão lutar ainda com mais energia.

A Rússia fala a uma voz e a vontade de competir na Coreia do Sul é unânime, a hipótese de um boicote aos Jogos parece não ter passado disso mesmo.