Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.
Última hora

Trump tem a cabeça na Lua

Trump tem a cabeça na Lua
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Donald Trump quer que os norte-americanos voltem a partir para a Lua. O presidente dos EUA formalizou, esta terça-feira, uma diretriz para a criação de uma base lunar.

A última, e primeira, vez que os norte-americanos visitaram a Lua foi em 1972 um primeiro passo para a concretização de uma missão tripulada a Marte.

Trump afirmou que, desta vez, o país está a "sonhar em grande" e que esta diretriz irá reorientar o programa espacial dos Estados Unidos no que diz respeito à exploração e descoberta humana. Na assinatura do documento esteve, e entre outros, "Jack" Schmitt que caminhou na superfície da Lua:

"Desta vez, os EUA não colocarão apenas a bandeira e deixarão a sua marca na Lua, mas também estabelecerão uma base para uma eventual viagem a Marte e quem sabe, um dia, para muitos outros mundos", afirmou Trump.

A ambição de Trump de enviar homens, uma vez mais, à Lua, como forma de preparar uma missão tripulada a Marte, pode acabar por ficar no papel devido a restrições orçamentais.