Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.

Última hora

Última hora

Gianandrea Noseda estreia-se no Kennedy Center com a Sinfonia Heroica de Beethoven

Gianandrea Noseda estreia-se no Kennedy Center com a Sinfonia Heroica de Beethoven
Tamanho do texto Aa Aa

Ele é um dos maiores maestros da sua geração. Gianandrea Noseda assumiu, este outono a direção musical da Orquestra Sinfónica Nacional, em Washington, capital dos Estados Unidos da América.

O maestro escolheu a terceira Sinfonia de Beethoven, mais conhecida como , para o primeiro concerto no Kennedy Center. Uma escolha simbólica.

“A Heroica é um ponto de viragem. Até então, a sinfonia mais longa durava 31-32 minutos. Beethoven expandiu o comprimento da sinfonia em 50 minutos e, até então, a estrutura da sinfonia era muito mais simples. Não quero cortar com a tradição desta orquestra, mas a Heroica é uma espécie de coluna, sustenta-se por si mesma”, assegura o maestro.

Nurit Bar-Josef é o primeiro violino e, como tal, o braço direito de Gianandrea Noseda.

“Tecnicamente, e essa é a beleza de Beethoven, tudo o que ele escreveu, fica tão bem no instrumento e sabe sempre bem tocar e a luta está mais no controlo do arco, criando os diferentes sons e dinâmicas que ele queria”, confidencia a violinista.

Composta em 1803, a Sinfonia Heroica homenageia as ideias herdadas da Revolução Francesa. Ideias que Beethoven apoiou fervorosamente.

Noseda conta que o compositor “queria dedicar esta sinfonia – no início – a Napoleão Bonaparte, mas quando soube da notícia de que se tinha autoproclamado imperador, ele riscou o nome de Napoleão. Há um buraco no papel, no manuscrito. Assim, a Marcha Fúnebre, no segundo movimento, é a marcha fúnebre das grandes visões e dos ideais que ele esperava que Napoleão cumprisse.”

Sobre o novo maestro Bar-Josef é perentória: “É, acima de tudo, refrescante ter um novo diretor de música e uma nova maneira de ver as coisas. O talento do Maestro Noseda está quando ele pisa e pódio. Ele tem esse som que traz consigo e então sinto que o som da orquestra é realmente… É tão grande quanto a vida! _ “

Noseda confessa: “As minhas ambições para a Orquestra são simples: ser consistente em oferecer a mais elevada qualidade possível. A competição, em todo o mundo, é muito dura. Não é suficiente ser ‘bravi’, é precisa ser excecionalmente ‘bravo’.”

Mais informações:

Sobre a dedicação da Sinfonia Hroica de Beethoven:
www.theguardian.com/music/tomserviceblog/2014/aug/05/symphony-guide-beethovens-third-eroica-tom-service

Sobre a Sinfonia Heroica:
digital.philharmoniedeparis.fr/0729171-symphonie-n-3-eroica-de-ludwig-van-beethoven.aspx

sobre Gianandrea Noseda:
www.kennedy-center.org/NSO/MTM/Musician/5881

O sítio do maestro:
www.gianandreanoseda.com/home_e.aspx

Músicos da NSO sobre Gianandrea Noseda (vídeo):
www.youtube.com/watch?v=CCQJd4_0G6k

Vídeo sobre o início da carreira de Noseda:
www.kennedy-center.org/video/index/A96891

Sobre Nurit Bar-Josef:
www.kennedy-center.org/NSO/MTM/Musician/1504

Hirtória da Orquestra Sinfónica Nacional:
www.kennedy-center.org/NSO/MTM/History

Músicos da Orquestra:
www.kennedy-center.org/NSO/MTM/ShowMusicians/3