EventsEventos
Loader

Find Us

FlipboardLinkedin
Apple storeGoogle Play store
PUBLICIDADE

Multimilionários da apotex morreram estrangulados

Multimilionários da apotex morreram estrangulados
Direitos de autor REUTERS/Chris Helgren
Direitos de autor REUTERS/Chris Helgren
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Tanto Barry Sherman como a Apotex estiveram envolvidos, nos últimos anos, em litígios judiciais com familiares e outras farmacêuticas.

PUBLICIDADE

O fundador da farmacêutica canadiana Apotex, Barry Sherman, e a mulher, Honey Sherman, encontrados na sexta-feira sem vida na sua residência em Toronto, morreram estrangulados, informou no domingo a polícia.

As análises "post mortem", realizadas no fim de semana, revelaram que a causa de morte de ambos foi estrangulamento, indicou a polícia em comunicado.

Barry Sherman, de 75 anos, e a mulher, Honey Sherman, de 70 anos, foram encontrados sem vida, na passada sexta-feira, dia 15, na sua casa, em Toronto, em circunstâncias que as autoridades canadianas classificaram de suspeitas.

Sherman fundou a Apotex em 1974 com apenas dois funcionários. Atualmente, a empresa é o maior fabricante farmacêutico do Canadá e produz mais de 300 medicamentos genéricos.

Tanto Barry Sherman como a Apotex estiveram envolvidos, nos últimos anos, em litígios judiciais com familiares e outras farmacêuticas.

A fortuna de Barry Sherman era considerada uma das maiores do Canadá, com um valor estimado de 4.800 milhões de dólares canadianos (3.200 milhões de euros).

O casal era também conhecido por figurar entre os maiores filantropos do país, com avultados donativos nomeadamente a hospitais e a organizações judaicas.

(Lusa)

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Christiania, em Copenhaga, quer renascer sem haxixe

Reféns em discoteca neerlandesa libertados. Suspeito detido pela polícia

Andrew Tate e irmão detidos na Roménia