EventsEventos
Loader

Find Us

PUBLICIDADE

Putin nega interferência nas Legislativas italianas

Putin nega interferência nas Legislativas italianas
Direitos de autor 
De  Nara Madeira
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Presidente russo nega acusações dos EUA de possível interferência nas Legislativas italianas.

PUBLICIDADE

O presidente russo nega a acusação do senador americano Ben Cardin de que Moscovo poderia tentar interferir nas eleições Legislativas de 4 de março, em Itália.

Vladimir Putin afirmou que a Rússia tem "boas relações com Itália" e que não faz "sentido arruiná-la". O chefe de Estado russo diz que as afirmações de Cardin são "provocações feitas com propósito de destruir os laços" entre os dois países.

O presidente russo afirmou ainda que as "boas relações" vão desde os partidos políticos aos serviços secretos italianos", com os quais discutiram "cooperação em termos de segurança digital". Putin afirmou ainda que tem excelentes relações pessoais com Silvio Berlusconi e Romano Prodi.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Comité do Senado confirma interferência da Rússia

Emma Bonino à Euronews: "É preciso relançar o projeto europeu"

Confrontos entre polícia e manifestantes em Itália