Última hora
This content is not available in your region

EUA: Senadores democratas viabilizam fim de paralisação governamental

euronews_icons_loading
EUA: Senadores democratas viabilizam fim de paralisação governamental
Tamanho do texto Aa Aa

Os senadores democratas norte-americanos aceitaram um compromisso orçamental temporário que permite um ponto final na paralisação parcial do governo federal americano.

Ao fim de 3 dias, o Senado votou por 81-18 uma resolução que financia o governo até 8 de fevereiro, com a promessa de debater a imigração em breve:

"Depois de várias discussões, propostas, contra-propostas, o líder republicano (do Senado) e eu chegámos a um acordo e vamos votar para reabrir o governo para continuar a negociar um acordo global", afirmou Chuck Schumer, líder dos democrats no Senado norte-americano. 

A paralisação deveu-se ao desacordo quanto a imigração e segurança fronteiriça, com os democratas a usar a aprovação de orçamento governamental para forçar a maioria republicana a aprovar legislação que protegeria os cerca de 800 mil indocumentados chegados na infância, sob o chamado programa DACA da administração Obama e que a de Trump quer rejeitar.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.