Última hora

Última hora

Presidênciais na Venezuela: Maduro, possível candidato

Em leitura:

Presidênciais na Venezuela: Maduro, possível candidato

Presidênciais na Venezuela: Maduro, possível candidato
Tamanho do texto Aa Aa

O Presidente Nicolás Maduro disponibilizou-se para se candidatar a mais um mandado presidencial, nas eleições presidenciais convocadas pela chamada Assembleia Constituinte.

Maduro convocou para  fevereiro um "Grande Congresso da Pátria", para assinalar o ano de 1992, altura em que o falecido Presidente Hugo Chávez - presidente entre 1999 e 2013 -  liderou uma falhada intentona contra o antigo chefe de Estado venezuelano, Carlos Andrés Pérez (1922-2010).

Durante o congresso, disse, será decidido quem será o "candidato presidencial revolucionário" e debatido o Plano da Pátria (programa de governo) para o período 2019-2025.

A Assembleia Constituinte da Venezuela, composta unicamente por apoiantes do Presidente Nicolás Maduro, aprovou um decreto a convocar a realização de eleições presidenciais até ao próximo dia 30 de abril.

A aprovação, "por aclamação", teve por base uma proposta do deputado e vice-presidente do Partido Socialista Unido da Venezuela, Diosdado Cabello.

O decreto será remetido ao Conselho Nacional Eleitoral para fixar a data para as próximas eleições presidenciais.