A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

Explosões no centro de Cabul

Explosões no centro de Cabul
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Onze soldados afegãos e quatro insurgentes morreram no ataque a uma academia militar, em Cabul, reivindicado pelo grupo Estado Islâmico. Há quinze militares feridos. A informação foi avançada à agência de notícias espanhola EFE, por um porta-voz do ministério da Defesa afegão.

De acordo com um residente, citado pela agência de notícias Reuters, uma série de explosões começaram a ser ouvidas por volta das 5h da manhã, hora local, meia-noite em Lisboa.

Estas explosões acontecem depois de, no sábado, um atentado suicida, no centro de Cabul, reivindicado pelos talibãs, ter matado mais de uma centena de pessoas e feito 235 feridos, segundo números oficiais.