Última hora

Última hora

Raila Odinga faz "tomada de posse" simbólica no Quénia

Em leitura:

Raila Odinga faz "tomada de posse" simbólica no Quénia

Raila Odinga faz "tomada de posse" simbólica no Quénia
Tamanho do texto Aa Aa

Pode não ter sido oficialmente eleito, mas o líder da oposição queniana, Raila Odinga, participou numa cerimónia de tomada de posse.

Mesmo se foi apenas uma cerimónia simbólica. Num palco montado no aeroporto de Nairobi, prestou juramento perante o povo. Odinga foi derrotado plo presidente em exercício, Uhuru Kenyatta, nas eleições gerais de agosto. A oposição denuncia uma alegada fraude - um argumento que Odinga continua a defender: "Hoje, é um dia histórico para o nosso país. Pela primeira vez, os quenianos tomaram a decisão de sair desta ditadura, que está no poder devido ao roubo de votos", disse o candidato derrotado.

A esta cerimónia simbólica no aeroporto acorreram milhares de pessoas, mas não houve problemas. Já noutras zonas da capital queniana, as manifestações a favor de Odinga acabaram em confrontos com a polícia, que chegou a usar gás lacrimogéneo para dispersar os manifestantes. As rádios e televisões que estavam a transmitir esta tomada de posse fictícia foram silenciadas à força pelas autoridades.