Embaixada francesa no Burkina Faso alvo de atentado

Embaixada francesa no Burkina Faso alvo de atentado
Direitos de autor REUTERS/Anne Mimault
Direitos de autor REUTERS/Anne Mimault
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Segundo as autoridades burquinenses, quatro atacantes foram abatidos pelas forças de segurança na zona da representação diplomática gaulesa e três na zona do quartel-general do exército. Não registo de baixas de civis.

PUBLICIDADE

Terminaram os atentados em Ouagadougou que tiveram como alvo o quartel-general do exército, o Instituto Francês e a embaixada de França na capital do Burkina Faso.

Os ataques coordenados levaram o embaixador francês para a região africana do Sahel ocidental, Jean-Marc Châtaigner, a classificá-los de "ataques terroristas".

Segundo o Governo do Burkina Faso, pelo menos sete soldados burquinenses morreram no combate aos atacantes, no bairro diplomático da capital.

De acordo com o porta-voz do Executivo, Remis Dandjinou, seis dos agressores foram abatidos pelas forças de segurança. Não registo de baixas de civis.

Não registo de baixas de civis.

Este foi o terceiro atentado em Ouagadougou em pouco mais de dois anos.

O ataque desta sexta-feira ainda não foi reivindicado, os anteriores foram perpetrados por grupos com ligações à Al-Qaida como retaliação pela participação do Burkina Faso na luta contra grupos islamistas na região.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Massacre no Burkina Faso cometido por homens que vestiam uniformes do exército

Detido homem que ameaçou fazer-se explodir frente ao consulado do Irão em Paris

Ataque terrorista de Moscovo: tribunal rejeita recurso de um dos suspeitos