Última hora

Última hora

Militantes do SPD aprovam coligação com conservadores de Merkel

Em leitura:

Militantes do SPD aprovam coligação com conservadores de Merkel

Militantes do SPD aprovam coligação com conservadores de Merkel
@ Copyright :
REUTERS/Hannibal Hanschke
Tamanho do texto Aa Aa

Os militantes do Partido Social Democrata (SPD) alemão votaram a favor da coligação com o bloco conservador CDU/CSU de Angela Merkel. O voto favorável permite a renovação da grande coligação que tem governado a Alemanha desde 2013 e acaba com quatro meses de impasse político na maior economia da Europa.

De acordo com dados oficiais, o "sim" venceu com 66,02 % e o não apenas recolheu 33,98 %. A participação foi de 78,3 %.

Os 463.723 sociais-democratas afiliados votaram entre 20 de fevereiro e a meia-noite de sábado e aprovaram que a participação do partido minoritário num executivo liderado pela conservadora Merkel.

As condições do pacto, as medidas concretas que vão ser implementadas na repartição dos ministérios, estão detalhadas num documento 177 páginas, negociado entre janeiro e fevereiro e que inclui propostas chave dos sociais-democratas e ministérios fundamentais para o SPD, como as Finanças e as relações externas.

A reação da CDU

O conservador sénior Volker Bouffier registou com satisfação o resultado dos agora parceiros de coligação. O político da CDU anunciou em comunicado que "hoje é um bom dia para o povo do nosso país, é positivo para o futuro da Alemanha.

Bouffier disse ainda que agora o governo sob a liderança de Merkel deve avançar rapidamente.