Atacante e reféns mortos em residência militar para veteranos nos EUA

Atacante e reféns mortos em residência militar para veteranos nos EUA
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Albert Wong, o atacante, tinha 36 anos e era de Sacramento

PUBLICIDADE

No norte da Califórnia as autoridades não conseguiram evitar o pior.

Três mulheres e o atacante que as fez reféns numa das maiores residências militares para veteranos dos Estados Unidos, na cidade de Yountville, em pleno Napa Valley, foram encontrados já sem vida.

Ao longo da jornada desta sexta-feira viveram-se momentos de tensão com a polícia depois de um homem armado ter feito três reféns na noite anterior. Aconteceu durante uma festa de despedida de um dos funcionários da residência. Fontes oficiais referem que foram feitos vários disparos.

Ao que tudo indica o homem, recém-expulso, integrava um programa desenvolvido no complexo para veteranos que sofriam de stress pós-traumático e as reféns eram funcionárias.

Quando a polícia entrou no edifício encontrou os cadáveres.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Primárias no Michigan: Biden vence corrida dos democratas e Trump triunfa entre republicanos

Trump vence primárias na Carolina do Sul. Nikki Haley promete manter-se na corrida

Estados Unidos alertam para novo pacote de sanções "esmagadoras" contra a Rússia