Última hora

Última hora

Ataque químico na Síria terá feito 70 mortos

Ataque químico na Síria terá feito 70 mortos
Tamanho do texto Aa Aa

Tudo indica que os ataques com armas químicas regressaram à Síria. Cerca de 70 pessoas terão morrido em Duma, no que parece ser um ataque com gás tóxico, segundo a associação caritativa "Syrian American Medical Society". Os vídeos postos a circular por ativistas mostram um grande número de corpos, incluindo de crianças, com todos os sinais de envenenamento por gás. Jerry Smith é um antigo inspetor da Organização para a Proibição das Armas Químicas (OPAQ).

"É de uma regularidade deprimente. Faz exatamente um ano que aconteceu o ataque de Khan Sheikoun e temos outra vez o que parece um acontecimento com um grande número de baixas.Pelo que se percebe nos vídeos, as pessoas não têm ferimentos, mas sofreram claramente uma intoxicação, levando nalguns casos à morte", explica.

O alegado ataque terá ocorrido na noite de sábado, depois do fim das tréguas do exército sírio com o grupo autodenominado "Exército do Islão". Desde que os bombardeamentos regressaram a Duma, na sexta-feira, dezenas de pessoas morreram nos ataques aéreos. O facto de muitas das vítimas estarem em abrigos subterrâneos terá contribuído para o grande número de mortes por sufocamento. Duma é a única cidade da região de Ghouta Oriental ainda controlada pelos grupos rebeldes.