Última hora

Última hora

França defende acordo nuclear com o Irão

Em leitura:

França defende acordo nuclear com o Irão

França defende acordo nuclear com o Irão
Tamanho do texto Aa Aa

A pouco mais de uma semana de Donald Trump anunciar se os Estados Unidos vão rasgar o acordo nuclear com o Irão, o presidente francês reafirma a posição em defesa do pacto estabelecido em 2015.

De visita à Austrália, Emmanuel Macron insiste que se trata de um pilar para uma solução global, que deve ser reforçada.

"Não sei o que é que o presidente dos Estados Unidos vai decidir no dia 12 de Maio", garantiu. "Só queria dizer que, qualquer que seja a decisão, vamos ter de preparar uma negociação e um acordo mais alargados, porque penso que ninguém quer uma guerra na região e ninguém quer uma escalada da tensão na região", afirmou ainda o presidente francês.

Na semana passada, Emmanuel Macron foi a Washington tentar convencer Donald Trump a manter o acordo que suspendeu as sanções económicas contra o Irão, em troca de uma limitação do programa nuclear.

Questionado sobre o dossier apresentado plo primeiro-ministro de Israel, que acusa Teerão de manter um programa nuclear secreto, Macron não fez comentários, repetindo apenas que a França está empenhada em garantir a estabilidade da região.