Última hora

Última hora

Estátua de Marx: Justa homenagem ou presente envenenado?

Em leitura:

Estátua de Marx: Justa homenagem ou presente envenenado?

Estátua de Marx: Justa homenagem ou presente envenenado?
Tamanho do texto Aa Aa

Para alguns, é uma forma de fazer justiça ao autor de "O Capital" e das teorias que deram origem ao comunismo. Para outros, um presente envenenado. A estátua de Karl Marx oferecida pela República Popular da China, por ocasião dos 200 anos do nascimento do pensador, ornamenta agora uma praça da cidade alemã de Trier, terra natal de Marx.

A estátua é da autoria do escultor chinês Wu Weichan e foi inaugurada pela presidente do governo do Estado da Renânia-Palatinato, Malu Dreyer, e um representante do governo chinês: "Sim, defendemos o filho da nossa terra. Lidamos com Marx de uma forma construtiva, não o queremos esconder. Estamos contentes por receber este presente, este gesto de amizade", disse a chefe do governo do land alemão.

O presidente da Comissão Europeia, Jean-Claude Juncker, esteve também presente na inauguração.

A estátua não foi recebida de forma unânime. Alguns militantes esquerdistas celebraram nas ruas de Trier, enquanto outros empunhavam cartazes chamando-lhe "pai de todos os ditadores", lembrando os crimes cometidos em nome da ideologia que defendeu.