EventsEventosPodcasts
Loader
Find Us
PUBLICIDADE

Coreia do Norte liberta três presos norte-americanos

Imagem dos 3 norte-americanos libertados pela Coreia do Norte
Imagem dos 3 norte-americanos libertados pela Coreia do Norte
Direitos de autor 
De  Ricardo Borges de Carvalho
Publicado a Últimas notícias
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

O anúncio foi feito pelo Presidente dos Estados Unidos no Twitter. Trump revelou que o Secretário de Estado, Mike Pompeo está a regressar da Coreia Norte com os três norte-americanos e que parecem estar de boa saúde.

PUBLICIDADE

Kim Dong-chul, Kim Sang-Duk e Kim Hak-Song são os três norte-americanos que estavam detidos na Coreia do Norte e que agora regressam aos Estados Unidos.

Tinham sido condenados por espionagem ou atos hostis contra a Coreia do Norte.

O anúncio da libertação dos três homens foi feito, no twitter, por Donald Trump.

"Tenho o prazer de comunicar que o Secretário de Estado, Mike Pompeo está a regressar da Coreia Norte com três óptimos cavalheiros que todos estão ansiosos por ver. Parecem estar de boa saúde".

Trump confirmou também que já está definido o local e a data para a cimeira entre ele e o Presidente norte-coreano, mas não revelou quando e onde se irá realizar. Sabe-se apenas que vai acontecer nas próximas semanas.

O Presidente norte-americano enviou o Secretário de Estado, Mike Pompeo à Coreia do Norte para ultimar os preparativos da reunião e para trazer estes três americanos detidos no país.

A Casa Branca já fez saber que encara esta libertação como um gesto de boa vontade. Também o porta-voz de Kim Jong Un afirmou que a decisão terá um efeito positivo na cimeira entre os dois presidentes.

O destino de Kim Hak-Song, Kim Sang-Duk e Kim Dong-chul era uma das questões delicadas na preparação da primeira cimeira alguma vez organizada entre os Presidentes da Coreia do Norte e dos Estados Unidos.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Norte-americanos libertados por Pyongyang voltam a casa

Kim e Putin encontram-se em Pyongyang para expandir a cooperação económica e militar

ONU denuncia ensaios com mísseis balísticos da Coreia do Norte