Última hora

Última hora

Irão anuncia mais enriquecimento de urânio

Em leitura:

Irão anuncia mais enriquecimento de urânio

Irão anuncia mais enriquecimento de urânio
Tamanho do texto Aa Aa

O Irão notificou a Agência Internacional de Enrgia Atómica (AIEA) da intenção de aumentar a sua capacidade de enriquecimento de urânio. A carta foi enviada esta segunda-feira para a sede da agência, em Viena, mas, segundo o vice-presidente iraniano, Ali Akbar Salehi, esta medida "não põe em causa as negociações com os países europeus".

O anúncio surge no momento em que o primeiro-ministro israelita prossegue a ofensiva na Europa para criar uma frente comum contra o regime de Teerão. Como Angela Merkel, Emmanuel Macron insiste na necessidade de manter o acordo assinado em 2015 com o Irão.

A nossa correspondente em Paris, Anelise Borges, recorda que Benjamin Netanyahu defende que "não faz sentido lutar por este acordo agora que os Estados Unidos sairam. Em vez disso, é preciso olhar para a ameaça nuclear que o Irão representa para o mundo".

O enriquecimento de urânio permite produzir combustível para as centrais nucleares de produção de eletricidade, pode ter aplicações civis, como no domínio da medicina, mas, altamente enriquecido e em quantidade suficiente, permite também fabricar bombas atómicas.

Teerão sempre disse que o seu programa nuclear era unicamente civil e pacífico, apesar das acusações em contrário dos Estados Unidos.