This content is not available in your region

Pequim ameaça Washington

Access to the comments Comentários
De  Nara Madeira
euronews_icons_loading
Pequim ameaça Washington

Novo capítulo na guerra comercial entre EUA e China. Depois de Donald Trump decidir impor novas tarifas a vários produtos chineses, Pequim já reagiu dizendo que retaliará se o país norte-americano prejudicar os seus interesses.

"Se os Estados Unidos tomarem medidas protecionistas unilaterais, prejudicando os interesses da China, reagiremos rapidamente e tomaremos as medidas necessárias para proteger os nossos direitos e interesses legítimos", ameaça o porta-voz do ministério dos Negócios Estrangeiros da China, Geng Shuang.

Trump deve divulgar, esta sexta-feira, detalhes sobre as suas intenções em relação às importações chinesas. Isto depois de as várias rondas de negociações, entre os dois países, não terem terminado com as respostas que Washington quer, ou seja equilibrar a balança comercial entre os dois países.

Editor de vídeo • Nara Madeira