Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.

Última hora

Última hora

Belgas e franceses lutam por um lugar na final

Belgas e franceses lutam por um lugar na final
Tamanho do texto Aa Aa

As expetativas sobem no Mundial perante uma meia-final que coloca frente a frente dois países com uma rivalidade muito particular, a França e a Bélgica. Os franceses contudo estão confiantes na vitória pois dizem que conhecem bem os seus adversários.

"Ele é alguém muito perigoso"

Nacer Chadli Meio-campista, seleção belga

"É uma partida especial para nós. Temos que jogam connosco nos nossos clubes. Existe uma enorme rivalidade entre a França e a Bélgica, é como se fosse uma corrida de cavalos. E eles têm nove jogadores que jogam na Premier League, por isso, é claro que esta partida terá um toque inglês também", afirma Olivier Giroud, avançado na seleção francesa.

Já do lado belga, o grande receio é Kylian Mbappé, uma das revelações deste Mundial 2018. Para este jogador belga, a técnica de Mbappé é comparável à técnica de Messi.

"Nã o vai ser fácil, ele é muito rápido, tem muitas qualidades e técnica, ele é alguém muito perigoso. E o que ele está a fazer com a idade que tem? Eu nunca antes vi isso - com a exceção do Lionel Messi", adianta Nacer Chadli, meio-campista da formação belga.

Os dados estão lançados para uma meia-final que se antevê histórica. O encontro tem lugar no estádio de São Petersburgo a partir das sete horas da noute, hora de Lisboa.