Última hora

Última hora

Itália abre exceção e autoriza desembarque de 28 menores desacompanhados

Em leitura:

Itália abre exceção e autoriza desembarque de 28 menores desacompanhados

Itália abre exceção e autoriza desembarque de 28 menores desacompanhados
Tamanho do texto Aa Aa

As políticas italianas em relação ao desembarque de refugiados têm sido cada vez mais apertadas mas Salvini abriu uma exceção:

O Ministro do Interior e também vice-primeiro ministro do país deu autorização ao desembarque de 28 menores desacompanhados que estão a bordo de um navio atracado no porto de Catânia, na costa este da Sicília.

Na embarcação Diciotti estão um total de 177 migrantes que foram resgatados pela guarda costeira italiana.

O desembarque das restantes pessoas não foi autorizado pelas autoridades, o governo continua a pedir, até pelas redes sociais, cooperação à Europa para acolher migrantes que chegam aos portos italianos.

Enquanto não se decide o destino dos 149 pessoas que continuam no navio atracado, surgem manifestações contra a decisão do governo de Giuseppe Conte e Salvini, protestos mais tarde ironizados pelo próprio Salvini nas redes sociais: o qual responde sempre com o mesmo argumento do primeiro dia: "Itália nao será mais o campo de refugiados da Europa.".