Última hora

Incerteza política desvaloriza Real

Incerteza política desvaloriza Real
Direitos de autor
D. R.
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

4 reais por cada dólar. A moeda brasileira atingiu esta semana mínimos desde fevereiro de 2016.

A cotação está em queda há quatro sessões. Uma tendência que se agravou com a divulgação da última sondagem para as eleições presidenciais no Brasil. A continuar, pode vir a obrigar a uma intervenção do Banco Central no mercado de câmbio.

Oa analistas indexam a descida à incerteza política no país. Mauro Rochlin, economista da Fundação Getúlio Vargas, explica que a incerteza da decisão do eleitorado é também a "incerteza sobre a capacidade do governo de fazer reformas fiscais".

O candidato da extrema direita, Jair Bolsonaro, lidera a corrida presidencial com 22% das intenções de voto, quando Lula da Silva não aparece na lista pelo PT.

Com 9% das intenções de voto, está longe até de uma segunda volta, o social democrata Geraldo Alckmin. O candidato do PSDB é o preferido dos mercados, por ter um programa alinhado com a desejada reforma fiscal.

Lula da Silva lidera todas as sondagens, com perto de 40 por cento. O PT continua a fazer campanha em nome do antigo presidente, que não sabe ainda se passa no crivo do Tribunal Superior Eleitoral, responsável pela aprovação das candidaturas.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.