Última hora

Última hora

Havai já sofre os efeitos do furacão Lane

Em leitura:

Havai já sofre os efeitos do furacão Lane

Havai já sofre os efeitos do furacão Lane
Tamanho do texto Aa Aa

Chuvas torrenciais e fortes ventos assolam já o Havai, onde o furacão Lane obrigou à retirada de milhares de pessoas.

Apesar das várias inundações e dos deslizamentos já considerados catastróficos no território, a tempestade tem vindo a perder alguma intensidade.

As autoridades americanas reduziram o Lane para a categoria 2 na escala Saffir-Simpson, que vai de 1 a 5. Os ventos sopram agora a cerca de 140 kms/h, numa fase em que a tempestade está ainda a mais de 100 kms da capital Honolulu.

As ilhas de Oahu e Maui, as mais povoadas deste arquipélago, continuam sob alerta de furacão e as autoridades estaduais desdobram-se em avisos à população para que se proteja e armazene reservas de água, comida e combustível.

O estado de emergência sob o Havaí foi declarado já nesta última quarta-feira por Donald Trump.

O presidente dos Estados Unidos da América conversou com o governador do Estado, David Ige, e publicou uma mensagem sobre esse telefonema na sua conta na rede social Twitter.

Trump autorizou mesmo a libertação de fundos federais para fazer face aos danos do mau tempo no território e ajudar as populações.