Última hora

Última hora

Joe Biden na homenagem a McCain em Phoenix

Em leitura:

Joe Biden na homenagem a McCain em Phoenix

Joe Biden na homenagem a McCain em Phoenix
Tamanho do texto Aa Aa

A última homenagem do antigo senador e duas vezes candidato à presidência dos Estados Unidos, John McCain, contou com a presença de senadores Republicanos e Democratas.

Herói da guerra do Vietname para os Americanos, McCain morreu vítima de cancro aos 81 anos. Republicano convicto, sabia dialogar com os adversários políticos.

Joe Biden, antigo vicepresidente da Administração Obama, não o esqueceu, durante a sua intervenção:

"Chamo-me Joe Biden e sou Democrata," disse, perante os risos dos assistentes. "E amava John McCain."

"Com ele, as coisas não eram sobre política. Estavamos em desacordo em muita coisa, mas ele defendia um conjunto de valores em tudo o que dazia. E era assim que ele era."

A urna foi depois transportada num avião militar para o Capitólio. Sábado tem lugar um funeral na capital Federal dos Estados Unidos.

A cerimónia conta com discursos dos antigos presidentes George W Bush e Barack Obama. De acordo com o desejo de John McCain, o presidente Trump não irá à cerimónia.

Ausente estará também Sarah Palin, candidata Republicana a vicepresidente com McCain às presidenciais de 2008.