Última hora

Última hora

Bush e Obama fizeram elogios fúnebres a John Mccain

Em leitura:

Bush e Obama fizeram elogios fúnebres a John Mccain

Bush e Obama fizeram elogios fúnebres a John Mccain
Tamanho do texto Aa Aa

Antigos presidentes dos Estados Unidos prestaram uma última homenagem a John McCain, senador e herói da guerra do Vietname. Foi McCain, vítima de cancro no cérebro, que pediu a George W. Bush e Barack Obama, que o derrotaram na corrida à Casa Branca para lhe fazerem elogios fúnebres na missa, que se realizou na Catedral Nacional em Washington.

"O presidente Bush e eu estamos entre os poucos sortudos que competiram contra o John no mais alto nível na política. Ele fez de nós melhores presidentes. Assim como tornou o Senado melhor. Assim como fez este país melhor. Por isso, alguém como o John ter-me pedido, quando ainda estava vivo, para falar sobre ele quando morresse, é uma honra preciosa e singular", destacou Obama.

John McCain e a família planearam o funeral ao detalhe, tendo o antigo candidato presidencial deixado bem claro que não queria que o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, estivesse presente.

O senador vai ser sepultado, domingo, no cemitério da Academia Naval dos Estados Unidos, em Maryland.