EventsEventos
Loader

Find Us

FlipboardLinkedin
Apple storeGoogle Play store
PUBLICIDADE

Furacão Florence faz pelos menos seis mortos

Furacão Florence faz pelos menos seis mortos
Direitos de autor Reuters
Direitos de autor Reuters
De  Euronews com REUTERS
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button

Tempestade tomou terra no sul do estado da costa leste dos Estados Unidos. Foi reclassificado como tempestade tropical, com ventos superiores a 140 quilómetros por hora

PUBLICIDADE

Pelo menos seis pessoas morreram durante a passagem do Furacão Florence pela Carolina do Norte. As primeiras duas vítimas, uma mulher e uma criança, eram de Wilmington, litoral sul do estado. Uma árvore caiu em cima da casa onde se encontravam. Outra vítima mortal morreu com um ataque cardíaco.

  • Florence tomou terra por volta das 07:00 horas locais, em Wrightsville Beach, com ventos na ordem dos 150 quilómetros por hora.

  • Em Willminton, litoral sul do estado, quase todos tinham deixado a região, menos a família da casa onde caíu a árvore e um dos vizinhos.

  • Florence perdeu força depois de entrar em terra firme e foi reclassificado como tempestade tropical, ainda que com ventos muitos fortes, superiores a 110 quilómetros por hora.

  • A reclassificação foi dada a conhecer pelo Centro Nacional de Furacões (NHC, na sigla em inglês), da Universidade de Miami.

  • Roy Cooper, Governador do estado da Carolina do Norte disse que mais de um milhão de pessoas poderia ficar sem energia.

  • Cooper disse ainda que 20 mil pessoas que deixaram as suas casas e foram transportadas para abrigos. Mais de 60 estradas estão alagadas e há registos de árvores caídas.

  • Espera-se que cerca de 10 milhões de pessoas sejam afetadas por Florence, na costa leste dos Estados Unidos, das Carolinas à Virgínia.

  • Antes de chegar a território continental dos Estados Unidos, Florence chegou a ser classificado com o nível 4, numa escala em que 5 é o máximo, com ventos de 225 quilómetros por hora.

  • Este fim de semana, à medida que penetra no interior do território norte-americano, espera-se que Florence passe por um progressivo enfraquecimento.

De resto, Florence, representa ainda uma grande ameaça nas próximas 24 a 36 horas, de acordo com a Agência Federal das Situações de Emergência dos Estados Unidos.

Florence desloca-se lentamente, através dos estados da Carolina do Norte e da Carolina do Sul, para a Virginia.

Espera-se que descarregue o equivalente a oito meses de chuva em apenas dois ou três dias.

Algumas zonas inundadas são agora demasiado perigosas para uma intervenção da parte das equipas de resgate, pelo que é grave que haja pessoas que não tenham cumprido com as ordems de evacuação, de acordo com as autoridades.

Ainda assim, só no estado da Carolina do Norte, cerca de 500 mil membros do exército estão a postos para apoiar a população atingida, caso haja necessidade.

Outras fontes • NHC

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

"Florence" segue agora pela Carolina do Norte

Furacão Florence aproxima-se da costa leste dos Estados Unidos

Incêndios de Maui: 93 mortos; 4500 desalojados