Última hora

Última hora

Merkel anuncia encontro com Macron, Erdogan e Putin para discutir a Síria

Em leitura:

Merkel anuncia encontro com Macron, Erdogan e Putin para discutir a Síria

Erdogan e Merkel
Tamanho do texto Aa Aa

A chanceler alemã Angela Merkel vai reunir-se com o presidente francês, o presidente turco e o presidente russo em outubro para discutirem a situação na Síria e, em particular, o enclave de Idlib, que se encontra sob controlo de forças opostas ao regime de Damasco.

Esta é uma das conclusões do encontro em Berlim entre o presidente turco e a chanceler alemã.

No conferência de imprensa que se seguiu ao encontro, Merkel sublinhou que persistem diferenças entre os dois países, em particular na questão da defesa dos direitos humanos.

Ainda assim, a chanceler afirmou que a Turquia é um país aliado no seio da NATO e que a solução para o conflito na Síria e a questão dos refugiados passa necessariamente pelo envolvimento da Turquia.

Por sua vez, o presidente turco apelou às autoridades alemãs no sentido de declararem a rede de apoiantes do clérigo Fethullah Gulen como uma organização terrorista.

Reuters
Merkel e ErdoganReuters

Erdogan responsabiliza os apoiantes de Gulen como estando por detrás da tentativa falhada de golpe de estado em 2016.

A chanceler alemã adiantou levar muito a sério as acusações da Turquia mas que as provas apresentadas não são suficientes para declarar esta organização como terrorista.

Dois anos decorridos após o golpe de estado falhado de 2016, o presidente turco pretende o apoio da Alemanha para relançar a economia que atravessa um período difícil na sequência das sanções comerciais impostas pelos Estados Unidos. Por seu lado, a Chanceler alemã pretende travar a aproximação da Turquia à Rússia assim como reforçar o acordo estabelecido com Ancara para o acolhimento dos refugiados sírios.