Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.

Última hora

Última hora

ONU: Proibição do véu islâmico integral em França viola direitos humanos

ONU: Proibição do véu islâmico integral em França viola direitos humanos
Tamanho do texto Aa Aa

A proibição do véu islâmico nos espaços públicos volta a levantar polémica, em França. Segundo a lei adotada pelo Parlamento francês, em 2010, a multa pode chegar até aos 150 euros. Para as Nações Unidas, trata-se de uma violação do Pacto Internacional sobre os Direitos Civis e Políticos, do qual França é signatária.

Um grupo de especialistas condenou Paris por ter multado duas mulheres, em 2016. Dizendo que França deve compensar as queixosas e rever a lei. "Houve uma violação de dois artigos: o artigo 18 do Pacto, que garante a liberdade de religião e de a manifestar e do artigo 26, que proíbe a discriminação", adiantou Ilze Brands-Kehris da Comissão dos Direitos Humanos.

O parecer da Comissão de Direitos Humanos não é vinculativo. Num comunicado, a diplomacia francesa reafirmou "a plena legitimidade" da lei de 2010.