Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.
Última hora

Liga dos Campeões: Nápoles quase apaga Paris, Porto brilha em Moscovo

Liga dos Campeões: Nápoles quase apaga Paris, Porto brilha em Moscovo
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

O ex-Benfica Angel Di Maria evitou já nos descontos a derrota caseira do Paris Saint-Germain, na receção ao Nápoles, em partida a contar para a terceira jornada do grupo C.

A equipa italiana, com o português Mário Rui a titular na lateral esquerda, foi a primeira a marcar na cidade luz, com um belo golo de Insignie.

Já na segunda parte, Mário Rui foi infeliz na tentativa de desviar o remate de um adversário e acabou por empatar o jogo com um autogolo, mas pouco depois o belga Mertens voltaria a colocar o Nápoles em vantagem.

A surpreendente vitória forasteira parecia certa, mas o milionário PSG chegou ao empate (2-2) já aos 93 minutos através de um golo típico de Di Maria, com um remate colocado de fora da área.

Na outra partida do grupo, o Liverpool goleou em casa o Estrela Vermelha de Belgrado e assumiu a liderança destacado. Ainda sem derrotas, o Nápoles é segundo. Os sérvios são últimos, apenas com um ponto.

No grupo A, o Borussia Dortmund passeou classe na receção ao Atlético de Madrid e goleou o vencedor da última edição da Liga Europa.

O português Raphael Guerreiro começou no banco dos alemães, entrou na segunda parte e contribuiu com um bis para a goleada sobre a equipa de Gelson Martins, que nem no banco se sentou.

A AS Mónaco estreou-se na competição com Thierry Henry e o jovem treinador francês já conseguiu melhor que o português Leonardo Jardim, entretanto despedido. Os monegascos empataram em Bruges e somaram o primeiro ponto na competição.

No grupo B, também o Barcelona segue imparável. Noutro duelo de líderes, os catalães receberam e venceram (2-0) o Inter de Milão.

Duas equipas ainda à procura dos primeiros pontos, o PSV recebeu o Tottenham e o confronto deu empate, mais saboroso para os ingleses, por ter sido em Eindhoven.

Por fim, no grupo D, o FC Porto foi a Moscovo impor-se ao Lokomotiv. Manuel Fernandes viu um penálti ser defendido por Iker Casillas quando ainda havia 0-0 e Éder viu um golo ser-lhe anulado por fora de jogo.

Os "dragões" foram mais eficazes. Marcaram por Marega (de penálti), Herrera e Corona, venceram 1-3 e lideram com mais dois pontos que o Schalke 04.

Os alemães marcaram passo na visita a Istambul, não conseguindo melhor que um empate a zero com o Galatasaray.