Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.

Última hora

Última hora

Vida selvagem em risco de extinçâo

Vida selvagem em risco de extinçâo
Tamanho do texto Aa Aa

Em 40 anos, o mundo perdeu 60% da vida selvagem.

"Somos a primeira geração que sabe estar a destruir o planeta e a última a poder fazer alguma coisa quanto a isso". Quem o diz é a World Wildlife Fund (WWF), num apelo à mudança de atitude.

"O problema é muito, muito mau e muito assustador. Na última vez que olhámos para este índice as populações estavam a diminuir em 52%. Agora, estamos a falar de 60%. A menos que façamos agora alguma coisa e invertamos a curva da biodiversidade, vamos assistir à rápida extinção da vida selvagem e, ainda pior, do sistema em que nós, enquanto humanos, nos baseamos", acrescenta Margaret Kinnaird, da WWF.

A exploração em larga escala dos recursos do planeta e o sistema alimentar dos humanos são os principais fatores de ameaça à vida selvagem. Um desenvolvimento com um custo demasiado elevado, se pensarmos que para além de tudo o que a natureza nos oferece, ela gera ainda um impacto económico de 125 biliões de dólares em serviços.