Última hora

Última hora

Vida selvagem em risco de extinçâo

Em leitura:

Vida selvagem em risco de extinçâo

Vida selvagem em risco de extinçâo
Tamanho do texto Aa Aa

Em 40 anos, o mundo perdeu 60% da vida selvagem.

"Somos a primeira geração que sabe estar a destruir o planeta e a última a poder fazer alguma coisa quanto a isso". Quem o diz é a World Wildlife Fund (WWF), num apelo à mudança de atitude.

"O problema é muito, muito mau e muito assustador. Na última vez que olhámos para este índice as populações estavam a diminuir em 52%. Agora, estamos a falar de 60%. A menos que façamos agora alguma coisa e invertamos a curva da biodiversidade, vamos assistir à rápida extinção da vida selvagem e, ainda pior, do sistema em que nós, enquanto humanos, nos baseamos", acrescenta Margaret Kinnaird, da WWF.

A exploração em larga escala dos recursos do planeta e o sistema alimentar dos humanos são os principais fatores de ameaça à vida selvagem. Um desenvolvimento com um custo demasiado elevado, se pensarmos que para além de tudo o que a natureza nos oferece, ela gera ainda um impacto económico de 125 biliões de dólares em serviços.