Última hora

Última hora

O pesadelo dos migrantes às portas da UE

Em leitura:

O pesadelo dos migrantes às portas da UE

O pesadelo dos migrantes às portas da UE
Tamanho do texto Aa Aa

O pesadelo dos migrantes às portas da UE

São cerca de 5.000 migrantes que estão encurralados numa região na fronteira entre a Bósnia-Herzogovina e a Croácia. Em comum partilham a esperança de conseguir entrar na União Europeia.

Uma parte considerável destes migrantes é mantida em condições imundas num edifício abandonado que em tempos foi um dormitório de estudantes, perto de Bihac. uma cidade no noroeste da Bósnia-Herzegovina, perto da Croácia.

"Aproximadamente 1000 migrantes e refugiados vivem aqui, neste prédio abandonado. Isto é um verdadeiro escândalo. Muitos destes migrantes reclamam da suposta violência policial croata. Verdade ou não? Eu não sei. Vou falar com alguns deles," explica o jornalista d aeuronews, Hans von der Brelie.

É de noite que os migrantes partem daqui para tentarem entrar ilegalmente na União Europeia. Alguns afirmam que foram espancados pela polícia croata.

Um dos migrantes dos migrantes diz que foi espancado pela polícia croata: "Esta perna é um problema muito grande. Está partida aqui, e aqui também . Ele também tem a cabeça partida (apontando para a cabeça do amigo). Foi a polícia com bastões.