Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.

Última hora

Última hora

Confirmada quinta vítima mortal do ataque de Estrasburgo

Confirmada quinta vítima mortal do ataque de Estrasburgo
Tamanho do texto Aa Aa

No dia em que Estrasburgo chorou as vítimas do último atentado na cidade, chega a confirmação de mais uma morte resultante do ataque. Barto Pedro Orent-Niedzielski, tinha 36 anos e era originário de Katowice, na Polónia. Estava desde terça-feira em morte cerebral.

Numa cerimónia improvisada, a homenagem pública deste domingo quis lembrar um passado recente, mas olhar para o futuro. "Viva o amor! Viva liberdade!", grita, do palco, uma menina.

Depois de uma cerimónia religiosa, centenas de pessoas reponderam ao apelo de associações locais e reuniram-se no centro de Estrasburgo para prestar um tributo às então quatro vítimas mortais conhecidas.

Pesarosa e solidária, Estrasburgo vai voltando pouco a pouco à normalidade.Até o Mercado de Natal reabriu, após o autor dos disparos ter sido abatido a tiro pelas autoridades.

Chérif Chekatt, nascido na cidade francesa em 1989, tinha um cadastro já conhecido da Justiça. Esteve em fuga durante dois dias, depois de ter aberto fogo sobre as pessoas no centro da cidade.

O autoproclamado Estado Islâmico reivindicou a autoria do ataque, mas as autoridades francesas já negaram ter-se tratado de um atentado relacionado com o Daesh.