Última hora

Última hora

Migração domina agenda do Fórum África-Europa

Migração domina agenda do Fórum África-Europa
Tamanho do texto Aa Aa

A migração deveria ter ficado de fora da agenda do Fórum de Alto Nível África-Europa, que decorre em Viena, na Áustria, mas foi um assunto impossível de contornar.

Os dirigentes europeus e africanos pediram que as empresas privadas investissem mais em África de modo a deter os fluxos migratórios.

O presidente do Parlamento Europeu, Antonio Tajani, afirmou: "Desde o início da minha presidência que defendo a ideia de um plano Marshall para África envolvendo um investimento massivo do setor privado porque África continua a ser o continente que atrai a menor quantidade de investimento e gostaria que isso mudasse. Precisamos de investimento suficiente para gerar um crescimento eficiente e criar vários milhões de empregos para absorver a explosão demográfica de África.

"Infelizmente, a migração ofuscou muitas das nossas ações nos últimos anos. Penso que devemos falar abertamente e sem tabus. O que eu vou dizer é muito forte: a juventude africana não está interessada em deixar África", assegurou o presidente da Comissão da União Africana, Moussa Faki Mahamat.

Em setembro, a Comissão Europeia propôs construir uma "nova aliança" com continente africano com o objetivo de criar até 10 milhões de empregos nos próximos cinco anos.

Para isso, a União Europeia pretende investir 44 mil milhões de euros em África até 2020.