Última hora

Última hora

Jihadista Peter Cherif entregue às autoridades francesas

Jihadista Peter Cherif entregue às autoridades francesas
Tamanho do texto Aa Aa

O suspeito de ser o mandante do atentado contra o jornal Charlie Hebdo chegou este domingo a Paris, extraditado do Djibouti, e ficou sob a custódia das autoridades francesas. Peter Cherif foi detido no dia 16 no país africano.

"Este terrorista desempenhou um papel importante no planeamento do ataque contra o Charlie Hebdo. Isto mostra que a luta contra o terrorismo é um compromisso de longo prazo e que, quando mantemos esse compromisso e determinação, obtemos esse tipo de resultado. Portanto, é uma ótima notícia", disse a ministra francesa da Defesa, Florence Parly.

0.39 Kouachi brothers the day of the Charlie Hebdo magazine killing Amvideo, no courtesy (January 9, 2015)

Peter Cherif era próximo dos autores materiais do ataque, os irmãos Kouachi, que foram mortos pela polícia durante a perseguição policial. No dia 7 de janeiro de 2015, os dois homens atacaram a redação do jornal Charlie Hebdo, à hora da reunião editorial, e mataram 12 pessoas.